O PROCESSO DE SOCIALIZAÇÃO SECUNDÁRIA NO FILME O TERMINAL (2004)

Bruno José Yashinishi

Resumo


O presente artigo faz uma análise do filme O Terminal (2004), de Steven Spielberg à luz da teoria sociológica sobre os processos de socialização, sobretudo sob os aspectos da socialização secundária. A socialização secundária é o processo que introduz um indivíduo já socializado em novas e diferentes realidades sociais de convivência da sua sociedade. Nesse sentido, serão abordadas algumas interpretações da Sociologia sobre socialização, a relação entre o cinema e o conhecimento sociológico e como o filme em questão aborda aspectos fundamentais da interação do indivíduo em sociedade, a internalização das regras e as normas do convívio social através da história de Viktor Navorski (Tom Hanks) em suas aventuras e desventuras no aeródromo de Nova York.


Texto completo:

PDF

Apontamentos

  • Não há apontamentos.